Procurar por cirurgião na região

selecione o estado e a cidade para efetuar a busca:



Principais cidades:

São Paulo
Recife

Rio de Janeiro
Curitiba

Belo Horizonte
Goiânia

Porto Alegre
Brasilia


Entenda quando realizar uma rinoplastia secundária



É notável que o avanço das tecnologias na medicina possibilita uma redução significante no número de insatisfações relacionadas à cirurgia plástica. Quando falamos da rinoplastia, um dos facilitadores nesse processo é a utilização da simulação digital.

Ela permite que o médico mostre ao paciente um resultado muito próximo ao que será obtido na cirurgia plástica. Sendo assim, ambos podem trabalhar com expectativas reais sobre o procedimento. Mas, e se ainda assim, algo precisar de correção? A rinoplastia secundária entra em cena.

Quando a rinoplastia secundária é a solução
A rinoplastia secundária é um procedimento realizado através da técnica aberta em 99% das vezes, já que o cirurgião plástico precisa visualizar a estrutura nasal e entender quais suas possibilidades diante do que foi feito na cirurgia prévia. Alguns fatores limitantes como a espessura da pele, fibrose ou deformidades podem tornar o trabalho do cirurgião plástico ainda mais difícil.
Como a cartilagem do nariz pode ser insuficiente, é comum que haja a retirada de cartilagem de áreas doadoras como costela ou orelha para promover essa reparação. Em grande parte dos casos, os pacientes possuem condições que permitam um resultado satisfatório.

De olho no especialista em rinoplastia
Nessa etapa é ainda mais importante selecionar um cirurgião plástico que seja expert no assunto, pois a habilidade dele será posta à prova em uma rinoplastia secundária. Não arrisque e escolha um profissional certificado pela Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica. O cirurgião plástico especialista em nariz precisa ter um amplo conhecimento da anatomia e da fisiologia do órgão para realizar uma rinoplastia secundária, que é considerada de alta complexidade.

*Fonte: Dr. Wagner Montenegro, cirurgião plástico membro da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica, em seus 30 anos de carreira executou mais de 1000 rinoplastias, aperfeiçoou e refinou as técnicas da cirurgia de nariz, obtendo resultados cada vez mais naturais em seus pacientes.


* Os artigos assinados, bem como as informações veiculadas nas publicidades, não refletem necessariamente a opinião do site. Sendo assim, são de responsabilidade exclusiva de seus autores e/ou anunciantes.

Voltar